Apesar de a corrida parecer um esporte de fácil execução, para o qual aparentemente basta ter um bom calçado e muita força de vontade, existem diversos erros que o corredor iniciante está propício a cometer. Principalmente se os seus primeiros passos forem dados sem nenhuma orientação.

Esses equívocos podem influenciar no resultado final e até mesmo desestimular o corredor.

Para ajudar nessa missão, criamos este post, no qual vamos mostrar a você alguns erros que o corredor iniciante não pode cometer.

Vamos lá?

Corredor Iniciante não fazer um check-up geral

Antes de iniciar uma atividade física, é interessante que qualquer pessoa realize uma bateria de exames para se certificar de que está tudo em ordem com o organismo.

Quando falamos de corrida, os principais são os testes ergométrico, ergoespirometria e o ecocardiograma. Esses três exames podem detectar alguma problema cardíaco tanto no exercício quanto no descanso.

É importante não se esquecer de comentar com o médico sobre todos os tipos de dores e sintomas, pois, assim, os exames podem ser direcionados, e o diagnóstico, feito de forma correta. 

 

Treinar sem planejamento

Como citamos antes, correr não é simplesmente colocar os tênis e sair por aí. É preciso ter um planejamento para que haja aumento de rendimento e, consequentemente, o corredor não se desmotive. O ideal é que um profissional especializado seja consultado e que o mesmo tenha experiência com corrida.

Atualmente existem muitas equipes de corrida, que contam com treinadores especializados

Ele será capaz de montar todo o treino de forma progressiva, ou seja, aumentando a distância e o tempo de acordo com o condicionamento físico adquirido pelo corredor iniciante. 

Isso é muito importante, pois, além de precaver lesões, evita também que a pessoa desista, por não ver resultados ou não conseguir aumentar a sua capacidade física. 

 

Usar tênis que não sejam apropriados para a corrida

O tênis é a vestimenta principal de um corredor. Então, não se deve correr com qualquer modelo, pois o descuido pode trazer o risco de algum tipo de lesão, além de atrapalhar na performance.

O tênis específico para corrida tem diversas funções que permitem ao atleta desenvolver o seu potencial máximo. Além disso, esse tipo de calçado é essencial para proteger as articulações dos impactos gerados pelo esporte.

Atualmente existem diversas opções no mercado, que atendem os diferentes tipos de pisada e níveis adequados de amortecimento.

 

Não manter a alimentação saudável

Alimentação e desempenho andam lado a lado. De nada adianta seguir o melhor treino de corrida e se esquecer de manter uma alimentação correta, saudável e também direcionada para o treinamento de corrida. 

Antes dos treinamentos, prefira alimentos leves e também tente realizar as refeições com algumas horas de antecedência. Depois da atividade, o legal é repor a energia gasta com carboidratos ou proteínas. Deixe de lado alimentos gordurosos, pois estes desaceleram o metabolismo.

 

Beber pouca água

A água é o elemento em maior quantidade no organismo. Apesar de possuir diversas funções importantíssimas e essenciais, como o transporte de oxigênio e a regulagem da temperatura corporal e dos processos fisiológicos, o corpo não consegue produzi-la.

Quando corremos ou praticamos qualquer atividade física, perdemos líquido por meio do suor, e para o organismo continuar funcionando de forma correta e não se desidratar, o líquido perdido precisa ser reposto. 

Muitos corredores iniciantes também costumam beber pouca água principalmente no frio. Porém, a necessidade de se hidratar permanece a mesma.

 

Fazer a recuperação de maneira inadequada

Mesmo quando um profissional é consultado previamente, ocorre de as pessoas não seguirem os treinamentos estipulados. O descanso faz parte do exercício físico e é necessário para que o corpo possa se recuperar e obter melhores resultados nos treinamentos seguintes.

Deve haver uma harmonia, então, entre exercício físico, alimentação e descanso. A recuperação é parte importante no processo, e muito corredor iniciante acaba ignorando isso e se lesionando ocasionalmente.

 

Não escutar o seu corpo

Por fim, o maior sinal de que as coisas vão bem ou não parte do corpo humano. Cada organismo reage de uma maneira única aos estímulos e aos exercícios a que é submetido. Por isso, é dever de cada atleta conhecer e escutar o seu.

Se o corpo está dando sinais de cansaço ou dor por muitos dias seguidos, é preciso escutá-lo e averiguar o problema.

A corrida é um excelente esporte e uma ótima maneira de se manter ativo. Exercitar-se é importante para aumentar a qualidade de vida, melhorar a saúde e proporcionar a sensação de bem-estar.

Mas apesar dos benefícios, é preciso ter cuidado para não iniciar de forma errada, preservando a saúde e possibilitando a corrida por muito tempo! Principalmente nesses primeiros passos, o corredor iniciante deve buscar o máximo de informações. Isso trará uma trajetória de resultados e cada vez mais prazer com a corrida

Você curtiu o conteúdo sobre os principais erros que o corredor iniciante deve evitar? Compartilhe o post nas redes sociais. Confira também mais matérias para os primeiros passos clicando aqui.