Se manter sempre em movimento. É unânime que a chave de uma vida saudável é ser ativo fisicamente, gerando e gastando energia. E para muitos corredores, treinar corrida todo dia é quase uma terapia. Porém, no meio de novas pesquisas e alguns paradigmas que o treinamento diário carrega, algumas teorias são difíceis de serem quebradas: Afinal, posso treinar corrida todo dia? Ou faz mal?

Muitos treinadores de corrida têm restrições e não prescrevem a seus alunos treinos todos os dias. Outros entendem que não existe nenhum mal do corredor realizar sua corrida de cada dia. Por isso, resolvemos trazer para você os prós e contras de realizar uma corrida diária. 

Vamos conferir?

 

Treinar corrida todo dia – Porque não faz mal?

Maior condicionamento e fácil adaptação – Com certeza correr todo dia ajuda a uma adaptação muito maior para qualquer tipo de treino. Portanto, treinar todo dia também trás um maior condicionamento aeróbio como um todo. Mas lembrando: Tudo isso se for realizado sem exageros;

Maior variedade de treinos – Umas das maiores vantagens de treinar todo dia é ter a possibilidade de variar seus treinos (correr em subidas, velocidade, treinos leves, dentre outros). Lembrando que uma orientação personalizada é sempre o melhor caminho para equilibrar essas variações;

Melhora a técnica – Quanto maior o tempo de corrida, maior é a possibilidade de evoluir em sua técnica. Treinar mais lhe possibilita um contato mais constante com a modalidade, permitindo ganhar mais vivência. Com certeza, isso potencializa a maior afinidade e conhecimento da modalidade;

Aumenta o gasto calórico e controle de peso – Fazendo da corrida uma prática diária, o seu gasto calórico total tende a aumentar consideravelmente. Além disso, seu metabolismo, com o objetivo de atender melhor a demanda das atividades impostas pelo seu corpo, tende a ficar mais acelerado;

 

Desvantagens de correr todo dia

Maior sobrecarga articular e muscular – A corrida é um esporte de impacto. Isso, ninguém pode negar. E muitas vezes o corredor pode não estar com tendões, ligamentos e músculos preparados para essa sobrecarga. Com o tempo, a corrida diária pode acarretar lesões nos músculos ou articulações, principalmente inflamações (algo bem característico do excesso de treinos);

Overtraining – O problema com excesso de treinos é algo tão normal que resolvemos fazer uma matéria sobre o que é overtraining e como evitar (Para ler, só clicar aqui). De uma forma geral, é definido como um estado de fadiga permanente. Isso leva a queda de rendimento, cansaço e incapacidade de treinar com eficiência. Um dos principais fatores que desencadeia o overtraining é o excesso de treinos. Com certeza um cenário propício em caso de treinos diários;

Queda de rendimento – Bons treinos diários de corrida dependem de alimentação adequada, Descanso e boa recuperação. Além disso, a tendência de descansar adequadamente diminui. Isso contribui para treinos menos eficientes e, consequentemente, resultados aquém do esperado.

O ideal, independente de quantos dias da semana corre, é respeitar os limites do corpo e buscar o equilíbrio entre os treinos e recuperação e o mais importante: buscando sempre buscar o prazer por correr, evitando excessos.

Pensando em treinar todo dia e quer estruturar seus treinos com qualidade? Venha conhecer a Pacefit !!