Treinar na quarentena: quais as melhores estratégias?

veja como treinar na quarentena pode ser eficiente
4 minutos para ler
Powered by Rock Convert

Em função do COVID 19, o mundo todo está passando por um processo de adaptação na rotina. Dentre elas, a forma de se exercitar. Muitas pessoas que têm encontrado dificuldade para manter o foco. Por isso, criar alternativas é preciso. Mas quais as melhores estratégias para treinar na quarentena? É o vamos explicar a partir de agora. 

Incerteza é a palavra que define o mundo com a chegada da pandemia. Hábitos que nunca imaginávamos, como o uso de máscaras, a higienização com álcool em gel no contato com espaços / pessoas, e o distanciamento social tiveram que ser incorporados.

Fazer atividade física passou a ser uma necessidade cada vez mais destacada, em função da proteção que ela promove no combate a esse e outros vírus. Mas colocar um espaço na agenda para isso também passou a ser um grande desafio, principalmente para uma pessoa sedentária.

Além disso, com o fechamento de parques e um protocolo rigoroso nas academias, opções como a corrida urbana e fazer exercícios em casa passaram a ser frequentes.

Mas saber o que fazer para treinar na quarentena é uma coisa. Ter motivação e disciplina é outra.

Queremos continuar motivando a busca de metas e evolução entre corredores, ou mesmo pessoas que buscam apenas serem mais saudáveis dentro desse “novo normal”. Por isso, separamos algumas estratégias para se manter motivado para se exercitar na quarentena. Confira!

Treine de forma interativa

Opções como aplicativos de treinos e canais no YouTube com educadores físicos sempre serão uma boa opção. Porém, depois de certo tempo, é normal se desestimular, ou mesmo realizar o treino abaixo do seu potencial, pois não existe uma “troca”.

Por isso, buscar alternativas que permitam uma interação entre treinadores ou grupos de pessoas fará grande diferença.

Academias Online com aulas em grupos, desafios em grupo através aplicativos de corrida ou mesmo videogames com jogos que exijam da parte física irão manter a motivação e o foco.

Quer treinar na quarentena motivado? Varie as atividades

Treinar na quarentena e as principais opçõesSabemos o quanto ter consistência em uma atividade é fundamental para colher resultados. Apenas com uma prática regular você consegue dominar aquele tipo de treino e extrair o máximo de você. Mas com a restrição de diversos espaços, fazer a mesma atividade pode se tornar algo chato. Por isso, ter novas experiências também irá mexer com a parte motivacional.

Separar dias para fazer treinos diferentes e em locais diferentes é uma excelente estratégia. Você pode inclusive descobrir novos locais e formas de treinar.

Enjoado da correr? Busque uma outra atividade para quebrar a monotonia, de preferência com pouco impacto, como bike, natação ou treinamento funcional.

Quer treinar na quarentena? Inspire-se em outras pessoas

Nada como uma mensagem de motivação e superação para mexer com a gente, e nos fazer sair da zona de conforto.

Por isso, seguir blogs, sites ou redes sociais de pessoas que têm um estilo de vida motivador pode não apenas “pilhar” seus treinos, bem como dar uma ótica para o treino que ainda não tinha reparado, e dicas para seguir focado.

Estabeleça uma meta semanal ou quinzenal

Um fator crucial para a motivação é saber onde quer chegar. Definir objetivos de curto prazo ao treinar na quarentena dará uma injeção de fôlego a cada dia. Algo fundamental para dias cada vez mais parecidos, como o filme “Feitiço do Tempo”, onde um jornalista (Interpretado por Bill Murray) acorda sempre no mesmo dia, e passa a fazer coisas diferentes a cada dia para mudar seu dia e motivação.

A meta não precisa ser necessariamente na corrida. Pode ser reduzir o açúcar, ficar mais flexível, perder peso ou treinar mais dias. Essas condições tão distintas serão um grande desafio, ajudando a manter o foco.

Já está pronto para botar em prática as estratégias e treinar na quarentena com motivação? Compartilhe com a gente!

Você também pode gostar

Deixe um comentário