Começar a correr não é uma tarefa fácil.  E o início do treino de corrida para iniciantes é o passo mais difícil nessa trajetória. No princípio tudo cansa, às vezes dói, e dá uma sensação que a tarefa de inserir essa rotina no seu dia a dia será bem árdua, não é mesmo?

Realmente todo iniciante no treinamento de corrida sofrerá com isso, pois nessa fase o corpo está se adaptando a essa nova “realidade”. Esse processo de adaptação costuma durar de 8 a 12 semanas, período onde o corpo finalmente entenderá que o praticante está regular. Isso levará a ajustes necessários (mais energia, fôlego, disposição, força, dentre outros) para esse novo grau de condicionamento.

Porém, mesmo com essas etapas sendo aplicadas ao treino de corrida para iniciantes, existem erros que podem comprometer a evolução. E para ajudar você a seguir o caminho certo, separamos os principais erros no treino de corrida para iniciantes.

 

Realizar seu treino de corrida sem orientação

Um dos erros mais comuns, porém o mais frequente. Não ter uma orientação especializada o levará a treinar de forma totalmente aleatória e perceptiva, o que é um grande risco. Como iniciante, você conhece muito pouco sobre seus limites e aptidões. A ação de correr, na prática, é fácil de realizar: basta calçar o tênis e correr. Porém, para seguir etapas adequadas no intuito de evitar lesões e não se desgastar excessivamente, a orientação é fundamental.

Uma assessoria esportiva, ou um treinador especialista em corrida, ajudará você a evoluir de forma correta. Isso acontecerá através de um planejamento voltado para sua necessidade.

 

Correr em grupos fora de seu nível

Participar de uma aula de corrida numa academia, ou de um treino de corrida num parque, sem que haja uma segmentação para seu nível, pode ser um grande problema nessa etapa.

Com o início de seus treinamentos, é natural a curiosidade e que se busque locais onde a prática é realizada. Porém, muitas dessas aulas ou encontros são voltados para corredores com certa experiência.

Tentar acompanhar um ritmo fora de sua atual condição pode levar a uma lesão séria. Em outros casos, a desistência da corrida, por achar que a mesma não combina com você.

A opção de fazer seu treinamento de corrida em duplas (se quiser saber mais sobre os prós e contras dessa opção, clique aqui), caso esteja buscando uma motivação para treinar, pode ser mais interessante e segura.

 

Caminhada e apenas depois corrida

Para que não só seu corpo, mas principalmente seus músculos e articulações se adaptem, o treino de corrida para iniciante deve começar por…caminhada. Isso mesmo. Dessa forma, você dará um tempo maior para que tendões, ligamentos e músculos se preparem melhor.

Nosso sistema cardiovascular se adapta de forma mais rápida. Muitas vezes isso dá a impressão errada que você já está preparado para treinos mais longos ou intensos.

Com certeza, se tiver mais paciência nessa etapa (sabemos que é difícil), e começar com caminhadas, com nenhum ou apenas poucos minutos de corrida na sessão total de treino, você evoluirá de forma muito mais segura.

Gostou dessas dicas? Confira mais em nosso blog, instagram e facebook